19/07/2015

A MINHA FESTA DO ENTA #1

Hoje começo a contar-vos um pouquinho do que foi a comemoração do meu aniversário e a chegada aos enta.
Dizer-vos que fui muito mas muito mimada é pouco. Dizer-vos que estar entre família e amigos num dia tão especial fez com que todos os momentos menos bons ficassem esquecidos (momentaneamente) e que me senti, e sinto, verdadeiramente abençoada.
Mas começar por onde? Pelos presentes pois claro!! Falemos de acessórios...
No dia de Santo António, no meio de muita sardinha, sangria e entremeada, eu perdi um dos brincos de filigrana que tanto adorava (e que tinha sido presente dos meus pais). Fiquei tristíssima e confidenciei isso à minha mãe. E o que é que uma filha diz que a sua mãe não tenta concretizar?? Certinho e feito no dia 17 lá tinha eu uns novos brincos de minhota bem a meu gosto. Obrigada mãe. Amei!!!!

Passando a outro presente e à tão famosa lista de aniversario que eu por aqui andei a fazer. Não pensem que foi de minha iniciativa NÃO! (mas não mesmo) Os meus pais nunca me habituaram a isso mas desde que me cruzei com o homem da minha vida ele insiste para que faça esta lista... eu acho que o ajuda e muito na hora de escolher presentes para mim. E é assim que chegamos às peças maravilhosas da Helena e à sua HLC. isto faz cair o mito de uma pessoa que faz acessórios apenas se cingir à sua marca. Erro!!!!! Há por aí tanta coisa gira, tanta gente habilidosa e que eu gosto de usar que seria um grande erro meu não ambicionar ter uma peça saída das maravilhosas mãos da Helena. Desde o momento em que bati as pestaninhas na colecção PEACOCK que os brincos xl me ficaram na cabeça. Pois bem agora vão andar nas minhas orelhitas e graças a quem? Aos sogros mais queridos de sempre que alem de me oferecerem este presente giraço ainda me brindaram com um Parabéns a você cantado em uníssono. Hilariante!

Chegámos a uma peça, que perdoem-me todos mas será um presente, que jamais irei esquecer e que me comoveu ao ponto de ter ficado quase sem reacção. Um presente dos meus pais. Uma peça que a minha mãe ja me tinha falado que iria fazer mas que eu estava longe de imaginar que viria para o meu dedo. Um anel carregado de esperança, com uma pedra verde. Um anel carregado de historia, de historias, de trabalho, de emoções, de amor, de dor, de tudo o que dá corpo a uma vida. Este anel é o resultado da união das alianças dos meus avós maternos. Há presente melhor? Merecerei eu ser portadora desta herança? Não sei, é mesmo verdade que não sei, mas amo-o de paixão, é meu e irei usá-lo orgulhosamente. Obrigada pais por mais um presente maravilhoso.

Mas há mais querem ver? 



4 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigadaaaaaaaaaaaaaaaaa !!! Beijinhos coloridos

      Eliminar
  2. Olá Sara,

    Já vi que correu tudo pelo melhor, que bom! Os seus presentes são todos bonitos, mas sem dúvida que os vencedores foram as alianças dos avós unidas com essa pedra. É simplesmente lindíssimo e de extremo valor sentimental, imagino!

    Fico aguardar pelo próximo episódio eheheheh... Beijinhos***

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia querida Joana <3 vou tratar do próximo episódio :p

      Eliminar

design

design by: We Blog You