17/06/2018

TU FAZES ANOS E ENTÃO?

Nos últimos anos esperei por aquela conversa que nunca aconteceu.
Nos últimos anos esperei pelo telefone que nunca atendi.
Nos últimos anos esperei pelo abraço que nunca senti.
Nos últimos anos esperei pelas lagrimas de alegria que nunca limpei.

Tem sido assim nos últimos anos.

O luto dos vivos continua a ser das coisas mais difíceis de lidar mas eu chego lá... um dia.

Hoje fazes anos… e então?


15/06/2018

DAS DUAS TRÊS...




Das duas três: ou com a idade tenho ainda menos paciência do que é habitual ou as funcionarias de algumas lojas têm tanta preparação para atender ao publico com um macaquinho da selva amazónica, ou então é um conjunto das duas.

Ontem fui com a minha ficha tripla a uma loja da Zara (mãe e filhos). A minha mãe quis experimentar umas coisas, e como tem vários problemas de coluna e já foi operada a uma mão tendo dificuldade em abotoar e desabotoar os botões mais pequeninos, eu ia entrar nos provadores com ela.
A minha mãe entra e eu apercebendo-me de que a funcionaria me estava a vetar a passagem perguntei: "desculpe posso entrar para ajudar a minha mãe?"... a partir daqui foi tudo um pedacinho surreal:
F - Não pode entrar porque não há espaço.
SSF - Desculpe?? Não há espaço? como?
F - Já está aqui uma senhora com um carrinho (omitindo a verdadeira razão para me estar a impedir a entrar… mas eu já explico)
Perante esta resposta eu disse:
SSF - Percebe que esse argumento não faz sentido algum: e se eu quiser experimentar algumas das peças que a minha mae levou? E se estivesse de cadeira de rodas? também me ia impedir de entrar porque sim?
Silencio constrangedor de quem estava a usar os dois neurónios disponíveis naquela cabecinha…
F - se quiser passar passe..
SSF - Deixe estar muito obrigada, se eu realmente quisesse já o teria feito.
F- Passe, passe… pode passar eu já disse que podia passar.
Esperei cá fora.
A minha mãe saiu e foi nesse momento que entendi a verdadeira razão pela qual nós não cabíamos: no corredor estava uma ventoinha a libertar ar quente!! Pois isso mesmo: ar quente!! E porquê perguntam vocês? Porque é preciso vender roupa de primavera/verão, porque há toda uma coleção a acumular nos armazéns. Já fui gerente de uma loja deste género e este é um dos "truques" usados.

Mas a parvoíce ainda estava longe de atingir o seu pico máximo.

Estou eu e a minha mãe a comentar este assunto da ventoinha quando uma funcionaria que andava por ali largou um "O ar condicionado está avariado e é por isso que a ventoinha está lá" ao que a minha mãe lhe respondeu " ah é por isso que está a enviar ar quente num espaço sem ventilação natural e quando já está imenso calor na loja, percebe que isso não faz muito sentido não percebe" e agora senhores e senhoras sai um "se está insatisfeita vá apresentar uma reclamação ao balcão central"

Toin toin toin toin toin Qual é a coisa que qualquer gerente de loja teme que aconteça (ainda para mais em lojas com estas características)? Reclamações!!! E esta funcionaria eximia e dedicada estava a indicar-nos o caminho que caso não nos tivessemos lembrado ela estava ali a servir de lembrete. Menos, muito menos.

Não apresentei reclamação porque não estava para aí virada mas vim de lá a pensar que das duas três: os as novas gerações não se interessam pela qualidade do serviço que prestam, ou a entidade patronal não lhes dá a formação necessária (nomeadamente gestão de conflitos) ou (e infelizmente é no que eu acredito) um misto das duas.

É por coisas como estas que estou cada vez mais adepta do online. Viva viva!

13/06/2018

FIOS #126



Os Fios LUXURY estão de volta e duas cores novas:  AZUL ESCURO e VERMELHO ESCURO! Regressaram com o mesmo aspeto, mantendo a qualidade e opulência dos materiais: missangas tipo "Swarosky", marcasitas, brilhantes, corrente em aço e missangas em zamac com banho de prata.

Fio LUXURY REF.FL07 -  fio em aço (com 71cms de comprimento) e pendente com missanga azul escura tipo "Swarosky", marcassitas e brilhantes em tons de cinza e transparentes , fecho de mosquetão e missanga trabalhada com forma de flor em zamac (material com banho de prata que não oxida) e medalha do mesmo material a dizer "Believe". Para terminar um berloque de franjas em azul escuro

Fio LUXURY REF.FL08 - fio em aço (com 71cms de comprimento) e pendente com missanga vermelha tipo "Swarosky", marcassitas e brilhantes em tons de cinza e transparentes , fecho de mosquetão e missanga trabalhada com forma de flor em zamac (material com banho de prata que não oxida) e medalha do mesmo material a dizer "Believe". Para terminar um berloque de franjas em vemelho escuro

Envie as suas questões/pedidos de alterações para fioapaviobazar@gmail.com ou mensagem privada via FACEBOOK ou INSTAGRAM

Ousam?





07/06/2018

UM BOCADINHO DE RESPEITO SIM?

Quando é que as pessoas que optaram (ou não tiveram outra solução) por trabalhar em casa serão olhadas com o mesmo respeito que as outras que o fazem em outros locais?

Quando?

06/06/2018

FIOS #125


Voltaram!!! Os Fios CHAMADORES DE ANJOS estão de volta e vieram para ficar.

São fios em corrente de aço (material que não oxida, não perde a cor) com 82 cms de comprimento e fecho em zamac (material que não oxida nem deforma com banho de prata), medalha redonda em aço com logotipo da FIOAPAVIO, e com um pendente (em liga metálica que pode conter uma percentagem de níquel) arrendado com flores e cerca de 25mms de diâmetro, que abre, e que contem um guizo em forma de bola com 18 mms de diâmetro de cor branca.

Este Chamador de Anjos tem a particularidade de poder ser aberto para colocar também um pedido, um desejo, uma mensagem.
Deixo-vos aqui algumas das lendas e historias que estão associadas a peças como estas que hoje vos trago:

Uma lenda milenar relata que uns duendes, seres muito próximos e amigos dos anjos, tiveram de fugir do bosque onde viviam. Em sinal de amizade e proteção, os anjos ofereceram uns guizos aos duendes que serem usados unicamente por eles. Esses guizos deveriam ser ativados sempre que se sentissem desprotegidos ou com medo, bastando agitá-los para que os anjos viessem em seu auxílio. Porém, esse "Guizo dos Anjos" vinha — e permanece — com uma obrigação: depois de colocado, jamais podia ser oferecido ou usado por outra pessoa pois se tal acontecesse perderia toda a sua magia, encanto e poder de proteção.

Na Índia, os Chamadores de Anjos são usados pelas grávidas em volta do ventre presos com uma fita. Creem que protege o bebé e a saúde da mãe durante a gravidez.

Na Europa, existem relatos que eram usados para o contato com os espíritos da natureza e com a fada madrinha que protege e concede os dons a cada criança.

Depois do parto as mães penduram-no ao peito durante a fase de amamentação, mais tarde pode ser usado no carrinho e na cama do bebé de modo a proteger e tranquilizar as crianças. Na fase dos pesadelos e medos noturnos os Chamadores de Anjos são muito úteis para acalmar a criança, pois o som familiar dissipa os seus receios e ajuda a criança a dormir tranquila.

Os Chamadores de Anjos iluminam e energizam os ambientes, transformando as negatividades em harmonia. Para tal basta sacudi-los levemente para sentir a presença reconfortante dos Seres de Luz.


Envie as suas questões/pedidos de alterações para fioapaviobazar@gmail.com ou mensagem privada via FACEBOOK ou INSTAGRAM

Ousam?





03/06/2018

1º ANIVERSARIO TWINS : OS PREPARATIVOS

Eu gosto de me envolver nas coisas. Gosto de colocar a mão na massa e mergulhar em ideias e desafios que vão muitas vezes para alem das minhas capacidades. Porém isso não implica ser narcisista ao ponto de não reconhecer as minhas limitações e recorrer a pessoas maravilhosas com projetos igualmente bonitos e irresistíveis.

O tema da festa do Francisco e do Pedro há muito que habitava no meu imaginário e tudo por culpa do senhor marido. O João para a maioria dos amigos é Joe, é assim que quase todos o conhecem, e a culpa disso é do índio do Tom Sawyer (esqueçam todos os que acham que ele é um santo pois esta alcunha diz muito do que ele foi em criança) por isso quando pensei na festa do primeiro aniversario achei que era bonito haver esta ligação ao pai que agora recebe dois indiozinhos (senão é desta que ganho o premio de mulher do ano então desisto).

Primeiro vieram as setas e as tendas tipi e penas mas… faltava-me ali qualquer coisa… e não estava convencida até ter tropeçado nas folhas costela de adão e foram elas que deram o mote. Vamos levar os nossos índios até à verdejante amazónia, até aos verdes mais bonitos e coloridos (ai sporting ai sporting do nosso coração)… estava decidido!

A primeira a ser chamada para esta equipa foi a minha joaninha da Valorfúchsia tropeçámos uma na outra já nem sei bem quando nem porquê mas fomos ficando na vida uma da outra e acho que (arrogantemente afirmo) que estamos para ficar. Disse-lhe qual era a ideia e fomos fermentado a coisa com umas mensagens aqui e ali, discutindo ideias e acho que mesmo não vendo nada feito vai ficar tudo lindo. Das suas mãos vão sair Cakepops, Mini cupcakes, Mini macarons, Brigadeiros de chocolate, Beijinhos de coco, Bolachinhas decoradas e claro o bolo que não revelando como vai ser apenas vos deixo as massas que escolhemos: um andar de chocolate com ganache de chocolate (a vida de uma pessoa nunca tem chocolate a mais) e o outro mais suave de limão com recheio de frutos vermelhos. Eu já estou a aguar com esta descrição.

https://www.instagram.com/valorfuchsia


Mesa de doces arrumada, apenas vou acrescentar um bolo de chocolate ou iogurte mais simples, uma tarte de amêndoa, umas gelatinas, umas musses de chocolate e manga, arroz doce e salada de fruta. 

Depois pensei no que oferecer às pesssoas/crianças queridas que irão comparecer à nossa festa e para isso pensei logo na querida Patrícia e na sua Kitschnet (fosse eu casar agora e não hesitava em entregar-me a ela… possivelmente ficará com o batizado destes dois). É redutor pedir à Patrícia para fazer as lembranças pois o seu trabalho vai muito para alem disso e é de tao bom gosto que têm mesmo de espreitar a pagina dela para perceberem o que digo.

https://www.instagram.com/kitschnet


Uns dias depois e já não sei como deparei-me com duas marcas absolutamente fantásticas enquanto "passeava" pelo instagram A oficina da flor e a Rocknbake e decidi logo que tinha de as integrar nesta festa. E acreditem ou não são mais duas Saras a juntar a mim!
A Sara Andrade é a cara da Oficina da flor e de artigos tao delicados e tão elegantes que à partida não seriam uma escolha obvia para uma festa de crianças, mas eu acho que encontrei a solução certa para fazer este equilíbrio, e já lhe disse que vamos ter uma relação para a vida pois para o batizado vou recorrer a ela certamente.
A Sara Pinho é a cara da Rocknbake e arrisco-me a dizer que são os topos de bolos mais fantásticos de sempre porque são únicos. Únicos como são os meus pequeninos. Os meus pequenos milagres mereciam uma peça que os lembrasse disso mesmo, que serão sempre: Our tiny miracles tenham eles 1, 5 ou 18 anos. E em conversa com a Sara eu disse-lhe queria uma peça para ser usada todos os anos e os envergonhe até serem adolescentes… pimba!!! Tá feita e é lindo o nosso topo de bolo (revelo depois).

https://www.instagram.com/rocknbakebysp




https://www.instagram.com/oficinadaflorforminhas
A esta lista quis a vida colocar no meu caminho alem da Joana e das Sara mais duas Anas mas dessas falarei depois… (continua)

nota - todos os créditos de imagem pertencem aos autores das paginas/sites aqui partilhados


design

design by: We Blog You